Em Foco

Devocional de Domingo 15/08/21

Introspecção:

 

Texto Base: Mateus 17:20

Ainda sobre a parábola do Grão de Mostarda, vamos refletir sobre cada um de nós, crentes no Senhor Jesus, sermos também como a semente desta hortaliça: A palavra de Deus chegou aos nossos corações em algum momento de nossas vidas e, desde então, temos crescido, como fruto. E, como fruto, também frutificamos. Levamos a Palavra, que um dia nos libertou e transformou, a tantas vidas quantas se nos apresentam, todos os dias, por todos os lugares que estejamos. Assim como o grão de mostarda, um dia fomos minúsculos no conhecimento da Palavra de Deus. Fomos diminutos no agir pelo poder do Espírito Santo. Porém, ao crescermos dia a dia, alimentados pelas experiências de fé no Senhor Jesus, sendo edificados pela constante leitura das escrituras sagradas, transformados e santificados pela ação do Espírito Santo de Deus, tornamo-nos, cada um de nós, instrumentos nas mãos do Senhor da seara. Prontos a transmitir àqueles que o nosso Deus deseja salvar, a mesma semente, a Palavra libertadora que um dia recebemos.

Assim como no caso da mostarda, cujas enormes folhas fazem-se abrigo para o ninho de pássaros, também nós, frutos amadurecidos, temos por responsabilidade zelar pelos frutos ainda em germinação, para que estes também cresçam, amadureçam e multipliquem-se. Desta forma, todos nós estaremos diante do Senhor aptos a sermos recolhidos no dia da grande colheita. De modo que não devemos parar ao ganhar uma vida pelo seu aceite a Cristo Jesus. Não! Devemos acompanhar esta vida, em um processo de consolidação, sendo transmissores do conhecimento das experiências com Deus, a fim de participarmos de seu processo de crescimento. Orando sempre por esta vida, apresentando-nos como auxiliadores nos momentos difíceis.

Oração:

Senhor nosso Deus, dá-nos a sabedoria para sermos guias daqueles que, através de cada um de nós, tem conhecido a Ti.

Pr. Marcos Ferreira